Dica de leitura

Dia de rock também é dia de ler

Nenhum Comentário

Dia 13 de julho é Dia do Rock – e  para quem não sabe, a data foi escolhida em homenagem ao Live Aid, show no qual alguns dos maiores astros do rock do mundo se apresentaram em 1985. Além, claro, de ouvir muita música, o dia também pode ser celebrado com um mergulho nos livros. As diversas editoras do Grupo Editorial Record têm, em seu catálogo, títulos que vão de biografias a análises sobre a influência da música na sociedade. Marcelo Vieira, o assistente editorial roqueiro da Bertrand Brasil, já havia indicado alguns deles neste post aqui, há cerca de dois meses. Agora, aproveitamos a data festiva para completar a lista com outras dicas preciosas para os fãs do gênero.

BOWIE, de Wendy Leigh (BestSeller)

Muito já se falou sobre o quanto David Bowie revolucionou a música, a arte, o comportamento e a moda desde que seu primeiro sucesso, “Space Oddity”, veio ao mundo. Os espectadores se acostumaram a vê-lo em diferentes personas, fosse Ziggy Stardust, Thin White Duke ou Alladin Sane. Mas sua vida pessoal não costumava ganhar tantos flashes. Isso ficou muito claro em janeiro de 2016, quando Bowie morreu, aos 69 anos, três dias depois de lançar seu último álbum, surpreendendo os fãs que não tinham ideia do câncer contra o qual o artista lutava há mais de um ano. Em “Bowie”, biografia que a BestSeller lançou no último mês de maio, a jornalista e escritora Wendy Leigh se dedicou a revelar o homem por trás dos personagens. Tendo como base um imenso trabalho de pesquisa e dezenas de entrevistas com amigos, parceiros musicais, ex-namoradas, ex-amantes e fãs, ela conta os bastidores da vida de Bowie, desde a infância em Brixton, no sul de Londres, até o lançamento de “Blackstar”, seu derradeiro disco.

THE BEATLES, de Hunter Davies (BestSeller)

Os rapazes de Liverpool são tão importantes para a história do rock que foram tema de três livros lançados pelo Grupo Editorial Record. Neste aqui, que a BestSeller colocou nas livrarias em 2015, Hunter Davies conseguiu uma façanha: achando que ninguém ainda havia passado muito tempo com eles ou ido além das perguntas óbvias sobre a fama e o sucesso, ele sugeriu escrever um livro definitivo sobre a carreira da banda. E, surpreendentemente, eles toparam. Brian Epstein, o empresário, não apenas concordou com a empreitada como ainda garantiu: depois que o livro saísse, durante dois anos os Beatles não falariam com mais ninguém além de Davies. “The Beatles” foi publicado em 1968 e, como se sabe, em 1970 a banda não existia mais, tornando seu livro a única biografia autorizada de um dos grupos musicais mais influentes da história. Durante 18 meses entre 1967 e 1968, Davies acompanhou John Lennon, Paul McCartney, Ringo Starr e George Harrison em shows, gravações, turnês e em momentos particulares, em casa, com suas famílias. Reuniu fotos raras, entrevistou pais, esposas e amigos dos músicos, e documentou a infância e a vida pré-Beatles dos quatro. Esta edição foi revisada pelo autor, que não mudou nada do que tinha escrito na década de 1960, mas adicionou muita informação nova à história.

ZUMBEATLES – PAUL ESTÁ MORTO-VIVO, de Alan Goldsher (Galera)

Neste livro,que é pura diversão e foi lançado pela Galera em 2016, autor Alan Goldsher imagina a trajetória dos Beatles com uma pequena mudança: caso eles fossem zumbis. Ainda que seja uma completa fantasia, o autor usa a linha do tempo da história real dos músicos, relembrando passagens que realmente aconteceram, mas com uma pitada de… terror.

LOVE ME DO: 50 MOMENTOS MARCANTES DOS BEATLES, de Paolo Hewitt (Verus)

Da infância na dura Liverpool pós-guerra, passando pelos anos mais loucos e chegando até a reunião dos integrantes da banda na década de 1990, Paolo Hewitt narra 50 momentos definidores da carreira dos Beatles — os bons, os maus e os feios. Os comentários sagazes do autor exploram as proezas juvenis do grupo, o estilo de vida glamoroso, o encontro com astros como Bob Dylan e Elvis Presley, além de seu espantoso salto artístico, indo da simples “Love Me Do”  à sofisticada “Tomorrow Never Knows” em apenas três anos.

BRASIL: CAZUZA, RENATO RUSSO E A TRANSIÇÃO DEMOCRÁTICA, de Mario Grangeia (Civilização Brasileira)

O rock do Brasil também foi tema de análise e pesquisa por aqui. No recém-lançado “Brasil: Cazuza, Renato Russo e a transição democrática”, Mario Grangeia analisou as letras dos dois ídolos nacionais e sua relação com um dos momentos mais importantes da história recente do Brasil, a redemocratização. O autor coloca o foco na criação das obras desde 1978, época do início do Aborto Elétrico (primeira banda de Russo) e fim do governo do general Ernesto Geisel, até 1996, ano de morte do líder da Legião Urbana e da gravação dos dois últimos álbuns de sua banda, “A tempestade” e “Uma outra estação”. Segundo Grangeia, os dois músicos não fizeram canção de protesto nem foram porta-vozes só dos jovens ou outras minorias, mas vocalizaram visões e expectativas comuns aos brasileiros de todas as gerações.

THE SMITHS – A BIOGRAFIA, de Tony Fletcher (BestSeller)

Nesta que foi a primeira biografia sobre a banda publicada no Brasil, em 2014, Tony Fletcher compõe um retrato vívido das fascinantes personalidades do grupo, um dos maiores do rock britânico. Ele esmiúça as histórias de Morrissey, o irônico e inteligente vocalista, cujo comportamento solitário e letras complexas o tornaram um ícone para milhares de adolescentes que se sentem desamparados e esquecidos; seu parceiro de banda Marr, o popular guitarrista que se tornou um deus do rock para toda uma geração; e a talentosa e bela dupla formada pelo baixista Rourke e pelo baterista Joyce. Apesar do trágico fim da banda no auge de seu sucesso, o livro é uma celebração: a saga de quatro garotos da classe operária de uma pequena cidade ao norte da Inglaterra que superam suas personalidades contrastantes para encontrar um vínculo musical, inspirar milhares de pessoas e deixar um legado que mudou a música — e a vida de seus fãs — para sempre.

FREDDIE MERCURY, de Laura Jackson (Record)

Outro nome essencial da história do rock, o líder do Queen foi tema de duas biografias publicadas pelo grupo. Nesta, lançada em 2015, Laura Jackson descreve a trajetória do astro desde sua infância e sua transformação de Farrokh Bulsara em Freddie Mercury até sua consagração com o Queen. Mercury era conhecido por sua potência vocal e por proporcionar um verdadeiro espetáculo a quem quer que assistisse um show do quarteto. E também por ter uma vida tumultuada e, ao mesmo tempo, reservada. A autora, que há vinte anos acompanha a vida de astros internacionais, é autora de diversas biografias de grande sucesso de personalidades da música e do cinema. O livro revive lembranças e traz fatos ainda desconhecidos sobre a vida desse ídolo, com direito a depoimentos de amigos próximos a ele, como Malcolm McLaren, Tim Rice, Richard Branson, Cliff Richard, Bruce Dickinson, Mike Moran, Wayne Eagling, Zandra Rhodes e Susannah York.

FREDDIE MERCURY – A BIOGRAFIA DEFINITIVA, de Leslie-Ann Jones (BestSeller)

Lançado em 2013, o livro foca na personalidade de Freddie Mercury. O que há por trás desse mito do rock? Como ele era nos bastidores? Como foi sua infância e por que ele a escondeu tão bem? Freddie era uma figura pouco convencional no meio do showbiz. Carente, inseguro, com uma forte personalidade, fã de ópera, mitologia e astrologia, Farrokh Bulsara, também conhecido como Freddie Mercury, é uma figura que merece ser conhecida de perto.

ABBA, de Carl Magnus Palm (BestSeller)

Sucesso durante as décadas de 1970 e 1980, o grupo Abba é lembrado até hoje tanto por músicas dançantes como ‘Ring Ring’ e ‘Dancing Queen’ quanto por baladas como ‘The Winner Takes it All’ e ‘Fernando’. Em Abba: A biografia, com base numa pesquisa detalhada, Carl Magnus Palm faz um retrato da trajetória dos integrantes ao estrelato, incluindo detalhes do relacionamento dos casais da banda, seus questionamentos e os motivos que levaram ao fim do Abba. O livro conta ainda detalhes da carreira de Agnetha, Benny, Björn e Anni-Frid após o fim do grupo e as impressões de cada um a respeito do musical Mamma Mia!, que deu origem a um revival da banda nos anos 2000, emocionando antigos fãs e conquistando novos.

ROCK AND ROLL – UMA HISTÓRIA SOCIAL, de Paul Friedlander (Record)

O livro é crônica que cobre 30 anos de um dos mais importantes fenômenos de massa do século XX – Paul Friedlander mostra como o gospel, o country e o blues influenciaram desde Elvis e Marvin Gaye ao The Who. O autor revisita a cena do rock clássico, alternativo e do punk-rock traçando a história do gênero musical que já atravessou cinco décadas de sucesso ininterrupto. O autor analisa o movimento histórico-social baseado em hits como Johnny B. Goode e Walk on the wild side, fala do trabalho de músicos como Elvis Presley, The Beatles, The Who, Bob Dylan, Rolling Stones, Eric Clapton, entre muitos outros, além de oferecer uma visão do universo das principais gravadoras. Repleto de fatos curiosos, histórias, sons e sentimentos, o livro esquadrinha como a sociedade reagiu ao se ver colocada entre o coração da bateria e o chiado das guitarras. Paul Friedlander e professor no Conservatório de Música da Universidade do Pacífico, nos Estados Unidos, e mistura dados menos conhecidos, mas não menos interessantes, da trajetória do rock, ao mesmo tempo que aponta os fatores que moldaram seus diferentes estilos. O livro tem ainda índice remissivo, notas e discografia.

O SOM DA REVOLUÇÃO – UMA HISTÓRIA CULTURAL DO ROCK (1965-1969), de Rodrigo Merheb (Civilização Brasileira)

A obra faz um mapeamento histórico sobre o Rock nos anos psicodélicos de 1965 a 1969, abordando os principais embates estéticos e políticos de um dos grandes movimentos culturais contemporâneos. Em meio a um quadro de intensa turbulência social, as aventuras eletrificadas de ícones de várias gerações como Jimi Hendrix, Beatles, Pink Floyd e Bob Dylan  se interligam numa narrativa  envolvente que compõe um painel extenso e detalhado sobre a trilha sonora da contracultura.

50 FATOS QUE MUDARAM A HISTÓRIA DO ROCK, de Paolo Hewitt (Verus)

O lançamento de Sgt. Pepper´s Lonely Hearts Club Band, o Festival de Woodstock, o Live Aid, o assassinato de John Lennon. Momentos que mudaram a música para sempre. Cobrindo 50 anos, desde quando Elvis Presley levou o rock n´roll às massas no programa de tevê de Frank Sinatra até a morte chocante de Michael Jackson, o jornalista – e fã apaixonado de música – Paolo Hewitt seleciona neste livro os 50 momentos decisivos da história do rock. Episódios por trás de canções e discos icônicos, mortes prematuras, shows memoráveis, incidentes ao vivo e os momentos mais ultrajantes do rock são narrados nesta abrangente síntese do maior gênero musical do século XX. O texto dinâmico e fluente de Paolo Hewitt aborda cada acontecimento do ponto de vista privilegiado de quem esteve lá, explicando o pano de fundo e as consequências imediatas de cada momento, bem como seu significado a longo prazo e o legado que deixou. Ao lado de momentos verdadeiramente emblemáticos, tais como o nascimento dos Beatles e o assassinato de Marvin Gaye pelo próprio pai, você verá outros incidentes menos conhecidos, mas igualmente sensacionais, como a prisão de Keith Richards e Mick Jagger durante uma festa regada a ácido, a participação dos Sex Pistols no programa de entrevistas de Bill Grundy e Pete Doherty arrombando o apartamento do melhor amigo e companheiro de banda, Carl Barât.

FAMA E LOUCURA, de Neil Strauss (BestSeller)

Em “Fama & Loucura”, Neil Strauss (que já trabalhou por mais de vinte anos em algumas das maiores publicações do mundo — como o jornal The New York Times e a revista Rolling Stone) revela 228 entrevistas com alguns dos maiores nomes da música, do cinema e da TV que nunca chegaram a ser publicadas, mostrando os momentos mais insanos e as experiências mais incomuns que já teve com pessoas famosas. Acompanhe as aventuras do autor, enquanto ele bebe com Bruce Springsteen, janta com Gwen Stefani, entra na mesma banheira que Marilyn Manson, fala sobre fama com David Bowie e muito mais.

Comentários
Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais