Notícias

Nélida Piñon conquista premiação portuguesa

Nenhum Comentário

A Universidade de Évora conferirá o prêmio Vergílio Ferreira 2019 para a escritora brasileira Nélida Piñon. Concorrendo com outros quatro candidatos, o júri presidido pelo professor Antonio Sáez Delgado justificou a escolha em função da “latitude e profundidade da sua obra, que revela uma linguagem capaz de estabelecer e harmonizar um diálogo fértil entre a memória feminina e a História”. Instituído em 1996, o prêmio leva o nome do autor de “Aparição” e este ano contou ainda com representantes das Universidade de Lisboa e Universidade Nova de Lisboa.

Na edição de 2018 o vencedor foi escritor Gonçalo M. Tavares. Já foram agraciados atribuído pela primeira vez a Maria Velho da Costa, Mia Couto, Almeida Faria, Eduardo Lourenço, Agustina Bessa uís, Vasco Graça Moura, Mário Cláudio, Luísa Dacosta, José Gil, Hélia Correia, Lídia Jorge e João de Melo.

Comentários
Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais