CategoriaEntrevistas
“Nobel”, de Jacques Fux
Entrevistas

“Nobel”, de Jacques Fux

Após anos de protestos, apelos e polêmicas, a Academia Sueca finalmente agraciou o escritor mineiro Jacques Fux com o Nobel de Literatura – ao menos para efeitos de ficção. Esta é a premissa de “Nobel” quarto romance do autor, que chega às livrarias em abril pela José Olympio. Nesta entrevista, Fux conversa com o autor André de Leones, cujo sexto romance, “Eufrates”, também será lançado em breve pela mesma editora. Ele fala sobre o romance, suas influências, a dessacralização dos escritores e seu gosto pela loucura, dentre outros temas.

“A cobrança”, de Mário Rodrigues
Entrevistas

“A cobrança”, de Mário Rodrigues

Saúva está diante da marca do pênalti. Literalmente. Capitão da Seleção Canarinho, caberá a ele fazer a quinta cobrança na disputa que apontará o campeão da Copa do Mundo de 2018. Os poucos segundos nos quais observa a bola sobre o círculo branco de cal se esticam para um tempo quase infinito. Entre sombras e réstias de luz, Saúva remói o passado. Do nascimento até o momento decisivo – e particularíssimo – do chute a gol. Em “A cobrança”, Mário Rodrigues divide sua trama em três eixos narrativos, nos quais fala sobre os contrastes da sociedade brasileira. Nesta entrevista ao autor Marcelo Moutinho, ele fala sobre a gênese do livro, as inconsistências de nossa democracia e a paixão pelo futebol.

“O pior dos crimes”, de Rogério Pagnan
Entrevistas

“O pior dos crimes”, de Rogério Pagnan

Neste mês, completam-se dez anos da morte de Isabella Nardoni, um crime que chocou o país e mobilizou a imprensa, a polícia e a justiça até o julgamento do caso. Seu pai, Alexandre, e a madrasta, Anna Carolina Jatobá, foram condenados e estão presos pelo assassinato da menina. O jornalista Rogério Pagnan, que cobriu o caso para a Folha de São Paulo, passou cinco anos fazendo entrevistas e pesquisas para um livro, que lança nesta segunda, 19, na Livraria da Vila Higienópolis. A obra revela falhas na investigação e no relatório usado para incriminar os dois. A seguir, leia a entrevista de Rogério para o blog e ouça sua participação, ao lado do editor Carlos Andreazza, na primeira edição do Podcast da Record.

“Foi assim”, de Wanderléa
Entrevistas

“Foi assim”, de Wanderléa

Aos 71 anos, Wanderléa continua inovando: além de “Foi assim”, autobiografia lançada pela Record recentemente, ele segue com o musical sobre sua vida “60! Década de Arromba – Doc Musical”, em cartaz até 4 de março no Theatro Net Rio. Nesta entrevista, ela lembra a Jovem Guarda, fala da quebra de padrões que estabeleceu num universo extremamente machista e de seus próximos projetos.

“Por que perdeu?”, de Marcelo de Mello
Entrevistas

“Por que perdeu?”, de Marcelo de Mello

O Cristo mendigo da Beija-Flor em 1989, os versos “Abram alas/deixa a Portela passar” em 1995 e o carro do DNA da Unidos da Tijuca em 2004 são alguns dos momentos que marcaram o Carnaval carioca e ficaram na memória afetiva dos foliões que assistiram os desfiles na Sapucaí ou pela TV. Os três têm em comum, porém, o fato de não terem sagrado suas escolas campeãs, depois da apuração das notas dos jurados escolhidos pela Liga das Escolas de Samba do Rio, a Liesa. Em “Por que perdeu?”, o jornalista Marcelo de Mello conta a história desses carnavais e de sete outros em que o resultado da Quarta-Feira de Cinzas foi de alguma forma contestado pelo público, pela imprensa e pelas próprias escolas. Leia a seguir a entrevista com o autor.

“Feminismo em comum”, de Marcia Tiburi
Entrevistas

“Feminismo em comum”, de Marcia Tiburi

É preciso retirar o feminismo da seara das polêmicas infindáveis e enfrentá-lo como potência transformadora. Com este mote, a filósofa Marcia Tiburi apresenta questões, conceitos e desafios que configuram o movimento como a “chave de acesso a um mundo melhor” em seu novo livro, “Feminismo em comum: para todas, todes e todos”. Na entrevista a seguir, a autora, que fará turnê pelo Brasil para lançar o livro, fala, dentre outras coisas, sobre a importância de pensar dialeticamente o feminismo, abraçando o diálogo e a diversidade.

“Muito além do inverno”, de Isabel Allende
Entrevistas

“Muito além do inverno”, de Isabel Allende

A escritora chilena de 75 anos fala sobre seu novo livro, “Muito Além do Inverno” (Bertrand Brasil), uma ode à esperança, que trata do amor na maturidade e da crise política mundial – indo de Donald Trump até a questão dos refugiados.

“Mães arrependidas”, de Orna Donath
Entrevistas

“Mães arrependidas”, de Orna Donath

Em “Mães arrependidas”, a socióloga Orna Donath reúne os relatos de 23 corajosas mulheres que se disseram arrependidas da maternidade. Nesta entrevista, a pesquisadora e escritora Débora Thomé conversa com a autora sobre seu processo de pesquisa para escrever o livro e sobre as discussões contemporâneas sobre alguns dos principais mitos que envolvem a discussão sobre maternidade.

“Um cheiro de amor”, de Maria Christina Lins do Rego Veras
Entrevistas

“Um cheiro de amor”, de Maria Christina Lins do Rego Veras

A carreira literária de Maria Christina Lins do Rego Veras começou há cerca de quinze anos, quando, em visita à praia Formosa, em João Pessoa, começou a escrever sobre as alterações do local, outrora ocupado por sítios com imensos coqueirais, entre eles a casa de seu avô, onde passava as férias, na infância. Filha do escritor José Lins do Rego, ela agora lança “Um cheiro de amor”, coletânea de contos que traz pequenos recortes de situações imaginárias vividas por personagens que se encontram em diferentes épocas, por todo o planeta. Leia a entrevista da autora a seguir.

Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais