CategoriaEntrevistas
“Glück”, de Karin Hueck e Fred Di Giacomo
Entrevistas

“Glück”, de Karin Hueck e Fred Di Giacomo

Casal de jornalistas conta em livro o que aprendeu sobre felicidade durante ano sabático. Criadores do projeto Glück, Karin Hueck e Fred Di Giacomo compartilham histórias de pessoas comuns, dicas e descobertas de várias áreas sobre como se levar uma vida feliz. Filósofo Leonardo Boff e Monja Cohen estão entre os entrevistados.

“O exorcista na Casa do Sol”, de Yuri Vieira
Entrevistas

“O exorcista na Casa do Sol”, de Yuri Vieira

Com apenas vinte e poucos anos, iniciante no mundo das letras, o jovem Yuri Vieira teve uma experiência transformadora: contratado como secretário informal da escritora Hilda Hilst, morou por dois anos com ela na famosa Casa do Sol. O que viveu por lá está registrado em “O exorcista na Casa do Sol”, que chega às livrarias em julho pela José Olympio. No mesmo mês, Hilst será a homenageada da edição deste ano da Festa Literária Internacional de Paraty, a Flip. Nesta entrevista, Yuri fala de sua relação com Hilda e sua obra, a influência da escritora em sua carreira e algumas características erroneamente atribuídas a ela pelo senso comum.

“Sob a luz da escuridão”, de Ana Beatriz Brandão
Entrevistas

“Sob a luz da escuridão”, de Ana Beatriz Brandão

Esta semana chega às livrarias o terceiro livro de Ana Beatriz Brandão pela Verus, “Sob a luz da escuridão”, distopia que explora um mundo pós-apocalíptico marcado por guerras nucleares, onde parte da população tem dons especiais e luta pela sobrevivência. Dos romances contemporâneos até uma saga distópica, passando pela fantasia – gênero dos primeiros livros de Ana Beatriz publicados – a autora mostra sua versatilidade e se firma no cenário nacional. Este ano a autora participa mais uma vez da Bienal de São Paulo, onde dividirá mesa com Carina Rissi e Laura Conrado, também autoras da casa. Nesta entrevista, Ana Beatriz fala sobre a sua nova obra, sobre sua relação com os fãs e sobre o que vem por aí.

“O delator”, de Allan de Abreu e Carlos Petrocilo
Entrevistas

“O delator”, de Allan de Abreu e Carlos Petrocilo

Fruto de dois anos de pesquisa, “O delator” é mais que uma biografia; é o raio-x do da vida de J. Hawilla, homem que implodiu a máfia da cartolagem nas três Américas. Traz informações exclusivas, detalhes até então desconhecidos, contratos explosivos jamais revelados e propinas de todos os tipos. Disseca, ainda,a parceria com Ricardo Teixeira e a CBF, que viria a sequestrar dos brasileiros a gestão de seu bem mais amado: o futebol. Nesta entrevista, os autores falam da pesquisa, do processo de escrita e sua relação com o tema.

“Tempo de espalhar pedras”, de Estevão Azevedo
Entrevistas

“Tempo de espalhar pedras”, de Estevão Azevedo

Vencedor do Prêmio São Paulo de Literatura de 2015, “Tempo de espalhar pedras”, de Estevão Azevedo, chega às livrarias em junho pela Record numa nova edição, com novo projeto gráfico e linda capa. Ambientada numa vila desgastada pelo garimpo, a trama fala de desesperança, relações deterioradas, vingança e desejo. O enredo é centrado no ódio entre Diogo e Gomes, dois velhos garimpeiros, e seu reflexo na relação complexa entre seus filhos, Ximena e Rodrigo – que mistura o mesmo ódio com uma forte pulsão sexual. Na entrevista a seguir, Estevão fala de suas inspirações para a obra, entre outros assuntos.

“Em nome de quem?”, de Andrea Dip
Entrevistas

“Em nome de quem?”, de Andrea Dip

Neste livro-reportagem, a premiada jornalista Andrea Dip investiga as intricadas estruturas sociais, políticas e místicas que sustentam a escalada das Igrejas Evangélicas ao poder. A obra será lançada no dia 11 de junho, segunda, na Livraria da Vila Fradique, em São Paulo. O evento começa às 19h.

“O que é o amor”, de Betty Milan
Entrevistas

“O que é o amor”, de Betty Milan

Dividido em quatro partes – “A paixão do amor”, “Os dizeres”, “O amor hoje” e “A paixão do brincar”, “O que é o amor” retorna às livrarias 35 anos após seu lançamento. A obra examina os dizeres amorosos e suas contradições, retomando clássicos de Platão, Shakespeare e Dante.

“O preto que falava iídiche”, de Nei Lopes
Entrevistas

“O preto que falava iídiche”, de Nei Lopes

Uma saga afro-judaica-brasileira desfilada como num carnaval, da Praça Onze à África, passando pelo bairro carioca de Irajá, pelos estados de Porto Alegre, São Paulo e Bahia e atravessando o sertão brasileiro numa coluna revolucionária: essa é a história de Nozinho, o negro que tinha o dom de aprender línguas, se apaixonou e foi correspondido pela moça judia Raquel, mas viu decretado seu amor proibido, por causa das diferenças de cor. Nei Lopes lança “O preto que falava iídiche” nesta segunda, dia 4 de junho, no Rio, às 19h, na Livraria da Travessa de Botafogo; e na quinta, dia 7, em São Paulo, no mesmo horário, na Livraria da Vila, com presença da autora Ana Maria Gonçalves. Leia a entrevista a seguir.

“O outro lado da bola”, de Alê Braga, Alvaro Campos e Jean Diaz
Entrevistas

“O outro lado da bola”, de Alê Braga, Alvaro Campos e Jean Diaz

Nesta quinta-feira, dia 31, os autores Alê Braga e Alvaro Campos participam do FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos, em Belo Horizonte. A dupla fara um pré-lançamento de “O outro lado da bola”, que assinam com o ilustrador Jean Diaz, no estande da Casa dos Quadrinhos, a partir das 15h. A graphic novel narra história de um jogador de futebol brasileiro que se declara homossexual e lida com as repercussões. Leia a seguir a entrevista da dupla.

“O voto do brasileiro”, Alberto Carlos Almeida
Entrevistas

“O voto do brasileiro”, Alberto Carlos Almeida

O cientista político Alberto Carlos Almeida lança nesta segunda, 28, no Rio, o livro “O voto do brasileiro”. A sessão de autógrafos será na livraria da Travessa do Shopping Leblon a partir das 19h. Na entrevista a seguir, ele conta sobre a obra e comenta suas previsões para as eleições presidenciais de 2018.

Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais