CategoriaQuentinho da gráfica
Última fornada do ano
Quentinho da gráfica

Última fornada do ano

Contos, não-ficção, suspense, autoajuda e infantojuvenis marcam a última fornada do ano. Recebemos da gráfica a nova edição do best-seller “Quem mexeu no meu queijo”, que ganhou novo projeto gráfico. Chegou também “Submersão”, de J. M. Ledgard, livro que deu origem ao filme homônimo estrelado por Alicia Vikander e James McAvoy. Há ainda “Cheiro de amor”, livro de contos de Maria Christina Lins do Rego Veras, e “Platão no Googleplex”, de Rebecca Newberger Goldstein. Completam a lista “O despertar de homens comuns”, de Nelson Liano Jr, “Cuidado com o que deseja”, de Jeffrey Archer, e “A máscara de prata”, de Holly Black e Cassandra Clare.

Atores estreantes na literatura são destaques da semana
Quentinho da gráfica

Atores estreantes na literatura são destaques da semana

Recebemos esta semana “O livro dos títulos”, romance de estreia do ator e dramaturgo Pedro Cardoso, e “Sem filtro”, primeiro livro de Lily Collins, estrela de filmes como “Instrumentos mortais”, “Espelho, espelho meu” e “Simplesmente acontece”. Também estão entre as novidades da semana “A força que nos atrai”, de Brittainy C. Cherry, “Escrito a fogo”, que encerra a trilogia “Brilhantes”, e “A mais bela história da filosofia”, de Luc Ferry e Claude Capelier. Completam a lista “Cidade de selvagens”, de Lee Kelly, “O regicida”, de Virginia Boecker, “Pule, Kim Joo So”, “Encontrada até quinta”, “Contra o aborto”, de Francisco Razzo, e “Doce vingança”, de Nora Roberts, que ganha nova capa.

Uma seleção variada de destaques
Quentinho da gráfica

Uma seleção variada de destaques

Com a aproximação do fim do ano, as máquinas trabalham sem parar, e muita coisa boa chegou da gráfica esta semana. Para os fãs de thriller, “Matem o presidente”, de Sam Bourne, e “Testemunha”, de Scott Turow, são grandes apostas entre os lançamentos. Já os cinéfilos vão gostar de “George Lucas: Uma vida”, biografia consistente do gênio por trás de franquias como “Star wars” e “Indiana Jones”. Há ainda “Dinheiro”, novo livro de Tony Robbins, best-seller de livros de desenvolvimento pessoal; e “Muitas línguas outra língua”, de Domicio Proença Filho; além do novo título da franquia “Assassin’s creed”. Veja a lista completa a seguir.

Uma semana embalada por grandes autores
Quentinho da gráfica

Uma semana embalada por grandes autores

Esta semana chegaram da gráfica “Não basta dizer não”, aguardado livro da ativista Naomi Klein, e “Muito além do inverno”, novo título de Isabel Allende. Há ainda “Última hora”, de José Almeida Júnior, e “O abridor de letras”, de João Meirelles Filho, ambos vencedores do Prêmio SESC de Literatura em 2017. Também recebemos “Mães arrependidas”, de Orna Donath, sobre a pressão social sobre a maternidade; “O homem que abalou a república”, biografia não autorizada de Roberto Jefferson escrita pelo jornalista Cássio Bruno; e “A identidade envergonhada”, do filósofo Alain Finkielkraut. Completam a lista “Mary Barton”, de Elizabeth Gaskell, “Alma”, terceiro livro da série Trinity, de Audrey Carlan, e “À sombra de Romeu e Julieta”, de Melinda Taub.

Uma fornada com reedições caprichadas e histórias assustadoras
Quentinho da gráfica

Uma fornada com reedições caprichadas e histórias assustadoras

Já no clima de Halloween, recebemos “Criadores e criaturas”, que reúne adaptações de quatro contos clássicos de terror, escritos por autores contemporâneos brasileiros. Também chegaram nesta fornada, “O homem mais perigoso do país”, biografia de Filinto Müller, “O mito de Lincoln” e três reedições:”Os meus romanos”, da alemã Ina von Binzer, “Lenin-vida e obra”, de Moniz Bandeira, e “A casa dos espíritos”, clássico de Isabel Allende. Completam a lista “Entre facas, algodão”, novo romance do imortal João Almino, e “Para Francisco”, um relato sensível de uma mãe para um filho que não chegou a conhecer o pai.

Destaques nacionais entre as novidades da semana
Quentinho da gráfica

Destaques nacionais entre as novidades da semana

Os livros de duas grandes autoras nacionais chegaram direto da gráfica esta semana: “A casa inventada”, no qual Lya Luft retorna à sua conhecida prosa poética que mistura romance, ensaio e autoficção; e “Sonata em Auschwitz”, romance histórico de Luize Valente que viaja da Polônia nazista ao Rio de Janeiro dos dias de hoje. Outro destaque da semana é “Wink Poppy Midnight”, que esteve nas listas de melhores juvenis do ano passado e promete surpreender os leitores com sua trama sombria e fantástica. Por fim, as tramas com tintas românticas predominaram nas rotativas: há de “A obsessão”, da best-seller Nora Roberts, a “Seduzida até domingo”, novo livro da série Noivas da semana, e ainda “Uma sombra ardente e brilhante”, que une romance e fantasia.

Livro com entrevistas de Putin é destaque desta semana, que conta ainda com receitas de Nigella
Quentinho da gráfica

Livro com entrevistas de Putin é destaque desta semana, que conta ainda com receitas de Nigella

Na fornada desta semana, recebemos “As entrevistas de Putin”, obra que reúne uma série de conversas realizadas em um período de dois anos e que deram origem ao documentário “The Putin interviews”. Também rodou “Simplesmente Nigella”, livro com receitas que a renomada chef faz em sua própria casa. Para quem gosta de romances policiais e thrillers, recebemos “Boneco de neve”, de Jo Nesbø – que ganha edição com a capa do filme – e “Um legado de espiões”, de John le Carré, em que o autor volta ao clássico personagem George Smiley. O aguardado novo livro de Nina George, “O maravilhoso bistrô francês”, também chegou. Completam as novidades “O príncipe serpente”, de Elizabeth Hoyt, “Olá, adeus e tudo o mais”, de Jennifer E. Smith, e “Guerreiro domado”, de Karen Marie Moning.

Livros sobre o presidente francês e reportagem sobre o roubo do ENEM são destaques da semana
Quentinho da gráfica

Livros sobre o presidente francês e reportagem sobre o roubo do ENEM são destaques da semana

A fornada desta semana tem várias narrativas que abordam temas como política e educação. Recebemos dois livros sobre o presidente francês, Emmanuel Macron: “Revolução”, sua autobiografia, e “Macron por Macron”, que reúne três entrevistas, ainda inéditas no Brasil, com o chefe de Estado. A história do vazamento de informações da principal prova do país é contada na reportagem “O roubo do ENEM”, de Renata Cafardo, que chegou na mesma leva da edição revista de “Rodas em Redes”, que apresenta métodos inovadores para a formação humana. Em outro livro recém-chegado da gráfica, “A nona sinfonia”, a obra-prima de Beethoven é usada para falar sobre política e estética. Completam a lista das novidades “O azul entre o céu e a água”, romance sobre resistência e renovação que se passa na Palestina, e “O testamento”, da best-seller americana Nora Roberts.

Biografia e clássico literário em novo formato são os destaques
Quentinho da gráfica

Biografia e clássico literário em novo formato são os destaques

Depois de “O diário de Anne Frank”, é a vez de “O velho e o mar”, de Ernest Hemingway, ganhar sua versão em HQ. Outro livro esperado que ficou pronto esta semana é “Tudo aquilo que nos une”, a autobiografia de Justin Trudeau, o jovem primeiro-ministro do Canadá que vem chamando atenção por suas posturas progressistas desde sua eleição. Rodaram ainda esta semana “A verdade sobre a tragédia dos Romanov”, novo olhar sobre a sempre fascinante família russa; os novos das séries “As aventuras do Caça feitiço” e “Noivas da semana”; uma nova trilogia de Amy Tintera e, por fim, “A mente imprudente”, um perfil de intelectuais que se deixaram iludir por ideologias.

Mulheres incríveis na fornada desta semana
Quentinho da gráfica

Mulheres incríveis na fornada desta semana

A gráfica trouxe esta semana “O diário de Anne Frank em quadrinhos”. Setenta anos após sua primeira publicação, o diário ganha versão oficial em HQ, com ilustrações de David Polonsky e texto adaptado por Ari Folman. Em “50 brasileiras incríveis para conhecer antes de crescer”, temos a biografia de grandes mulheres escritas pela jornalista Débora Thomé e desenhadas por 16 ilustradoras. Recebemos também “Corte de asas e ruína”, terceiro livro da saga “Corte de espinhos e rosas”, da best-seller Sarah J. Maas, e “Mente”, segundo livro da série “Trinity”, de Audrey Carlan. Completando os livros escritos por mulheres desta fornada temos “Seja jovem em qualquer idade”, de Nadia Volf, e “Bela gratidão”, de Corey Ann Haydu.

Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais