CategoriaQuentinho da gráfica
A beleza da imperfeição
Quentinho da gráfica

A beleza da imperfeição

Acabamos de receber da gráfica o livro “Wabi sabi” (BestSeller), guia para aplicar o conceito milenar japonês de apreciar a vida, valorizando a simplicidade e aceitando a transitoriedade natural de todas as coisas.

Fenômeno da internet, Choque de cultura chega à literatura
Quentinho da gráfica

Fenômeno da internet, Choque de cultura chega à literatura

Com apenas dois anos de existência, o Choque de cultura é uma fenômeno da internet, com direito a visualizações na casa dos milhões e muitos memes e bordões espalhados pela rede. O formato é simples: uma websérie em que quatro típicos motoristas de van fazem crítica de cinema de um modo bem peculiar. Agora os maiores nomes do transporte alternativo nacional chegam à literatura com 79 filmes para assistir enquanto dirige, que chegou da gráfica esta semana e estará nas livrarias em novembro pela Galera.

Paulo Freire em conteúdo inédito saindo do forno
Quentinho da gráfica

Paulo Freire em conteúdo inédito saindo do forno

Com dia dos professores chegando e intensos debates sobre educação por conta das eleições, é inevitável evocar o nome de um dos maiores educadores do país. Esta semana recebemos da gráfica “Pedagogia do compromisso”, que reúne textos de Freire, alguns inéditos, sobre educação popular. A obra chega às livrarias em novembro.

Vencedores do Prêmio Sesc a caminho
Quentinho da gráfica

Vencedores do Prêmio Sesc a caminho

Acabamos de receber da gráfica os livros ganhadores do Prêmio SESC de Literatura deste ano: o romance “Entre as mãos”, de Juliana Leite, e o livro de contos “As coisas”, de Tobias Carvalho. Os dois chegam às livrarias ainda neste mês de outubro.

Novos romances de Marian Keyes e Bernard Cornwell chegam em breve
Quentinho da gráfica

Novos romances de Marian Keyes e Bernard Cornwell chegam em breve

Dois autores consagrados estão prestes a chegar às livrarias com novos romances: Bernard Cornwell pela primeira vez se aventura pelos bastidores do teatro para contar a história do irmão mais novo de Shakespeare em “Tolos e mortais”; enquanto Marian Keyes chega com uma trama inédita recheada de humor e reflexão em “Dando um tempo”. A gráfica rodou ainda novos livros das séries “The walking dead” e “O Brasil republicano”, além de “Lupita gostava de engomar, título mais recente da autora de “Como água para chocolate”.

Novas edições de clássicos de Olavo de Carvalho e Gilles Deleuze a caminho
Quentinho da gráfica

Novas edições de clássicos de Olavo de Carvalho e Gilles Deleuze a caminho

A não-ficção é o destaque entre os livros que rodaram na gráfica esta semana: há “O imbecil coletivo”, clássico de Olavo de Carvalho que ganhou nova edição e, também na linha dos pensadores conservadores, “Direitos máximos, deveres mínimos”, de Bruno Garschagen, que despontou com o best-seller “Pare de acreditar no governo”. Na seara dos negócios, Pedro Salomão fala sobre as relações de trabalho com as gerações Y e Z em “Lyderez”. As máquinas produziram ainda a edição especial do 50º aniversário de “Diferença e repetição”, um dos livros mais importantes de Gilles Deleuze. Veja a lista completa a seguir.

Literatura nacional em alta na fornada desta semana
Quentinho da gráfica

Literatura nacional em alta na fornada desta semana

A literatura nacional marcou os nossos recebidos desta semana. Cinco dos sete livros que rodaram na gráfica são de autores brasileiros, entre eles “Caçadora de estrelas”, da estreante na casa Raiza Varella. Recebemos ainda “Bagageiro”, novo livro de “ensaios de ficção” de Marcelino Freire; “Pense com calma, aja rápido”, no qual Daniel Schnaider ajuda o leitor a tomar as melhores decisões nos negócios; “Direitos máximos, deveres mínimos”, uma análise sobre privilégios e regalias de políticos, de Bruno Garschagen; e o novo romance de época de Lucy Vargas, “A perdição do barão”. Completam a lista “O diário de uma ansiosa”, de Beth Evans e “Arte & alma”, de Brittainy Cherry.

“Para de se odiar”, da youtuber Alexandra   Gurgel, está entre as novidades da semana
Quentinho da gráfica

“Para de se odiar”, da youtuber Alexandra Gurgel, está entre as novidades da semana

Na fornada desta semana, temos drama, suspense, culinária e uma injeção de autoestima. Recebemos o livro “Pare de se odiar”, da jornalista e youtuber Alexandra Gurgel, autora do canal “Alexandrismos”. Entre os romances, chegaram “Somos os que tiveram sorte”, que se passa durante a Segunda Guerra Mundial, e os suspenses “A mulher do meu marido” e “Que tipo de mãe é você”. Completam a lista dois livros sobre culinária e alimentação: “Cozinha judaica”, de Marcia Algranti, e “Comida”, do Dar. Mark Hyman.

Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais