AssuntoPedro Dória
Agenda (12/08)
Agenda

Agenda (12/08)

Nesta semana, David Levithan faz dois eventos no Rio de Janeiro e Ana Beatriz Brandão participa da Feira do Livro de Jaraguá do Sul. Já Milton Jung lança “É proibido calar” em São Paulo, enquanto James Green vai a Brasília para o lançamento de “Revolucionário e gay”. Também na capital federal, Pedro Dória participa da Bienal Brasil do Livro e da Leitura. Em Porto Alegre, Carpinejar lança “Cuide dos pais antes que seja tarde”, Márcia Tiburi e Elisa Lucinda participam da Feira Literária de Mucugê. E para fechar os eventos da semana, A.C Meyer lança “O tipo certo de garota errada” em Nova Iguaçu, região metropolitana do Rio.

Agenda da semana (14/08)
Agenda

Agenda da semana (14/08)

Paula Pimenta no Ceará e em Santa Catarina, palestra de Lya Luft no Sempre Um Papo e participações de nossos autores em feiras em São Paulo, Jaraguá do Sul, Extrema e Divinópolis. Esses são alguns dos próximos eventos do Grupo Editorial Record; confira aqui a agenda completa desta semana!

“Tenentes”, de Pedro Doria
Entrevistas

“Tenentes”, de Pedro Doria

Record lança novo livro do jornalista Pedro Doria sobre as revoltas tenentistas no Brasil em 1922, 1924 e 1930. Leia entrevista com o autor e assista ao booktrailer da obra.

Lançamentos da semana (25/07)
Lançamentos

Lançamentos da semana (25/07)

Chegam às livrarias esta semana ótimas opções par os jovens leitores: tem “Princesa das águas”, novo livro de Paula Pimenta; “Magônia”, história fantástica elogiada por Neil Gaiman; e “O herói improvável da sala 13B”, uma trama divertida e sensível. Entre as novidades há ainda destaques da não-ficção nacional com “Tenentes”, de Pedro Dória, e “Brasileiro é otário?”, de Rodrigo Constantino.

Do clássico à não-ficção
Quentinho da gráfica

Do clássico à não-ficção

Na fornada desta semana, recebemos a nova edição de “Cobra Norato”, obra emblemática do movimento modernista no Brasil. Em “Tenentes”, o jornalista Pedro Dória narra, em formato de thriller, a história da crise política que desencadeou uma guerra civil no país na década de 20. Na literatura nacional, a novidade é “Cravos”, de Júlia Wähmann. Para os jovens, em breve chega às livrarias o aguardado “Um tom mais escuro de magia”, de V.E. Schwab.

Posts Populares

Este website usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Navegando neste site você consente com a nossa Política de Privacidade.

Leia Mais